Meu TCC

Sempre valorizei muito o papel dos professores na minha vida, porque a constatação da importância deles me veio muito cedo. Não seria nada sem pessoas como Ana, Diva e Kokinho, e digo isso sem pudor algum.

Na faculdade de direito confesso que, apesar de ter tido professores grandiosos, não me senti inspirada por nenhum deles. Desconfio que isso aconteceu por eu nunca ter gostado do curso. Uma pena.

Em jornalismo, tive a oportunidade e a sorte de cruzar com mentes brilhantes que a cada dia foram me fazendo ter certeza de que finalmente eu estava no caminho certo. Tive a sorte de contar com duas delas na apresentação do meu trabalho de conclusão de curso.

Cheguei à UFRN na quinta-feira passada às 8h16, morrendo de medo de me atrasar. Minha apresentação do TCC deveria começar às 9h. Minhas professoras chegaram uns 15 minutos antes do horário marcado e deram de cara com uma mulher muito agoniada, o que acabou sendo ótimo, porque elas viram como eu estava e já foram tentando me acalmar.

Tive a ideia de levar comidinhas, afinal meu trabalho foi uma análise do discurso sobre jornalismo gastronômico que faço aqui no blog. Achei que combinava. Além do que, começar arrumando alguma coisa seria uma forma de me distrair e me acalmar.

Como eu não tinha condição de sequer esquentar água, pedi a Marina (entenda-se Flor de Sálvia) para me ajudar e ela sugeriu que eu levasse carne de sol desfiada com creme de requeijão light acompanhada de chip de batata doce, brownie de chocolate e suco de amora, tangerina e graviola.

20140527-221729-80249485.jpg
Estava tudo ótimo, mas arrumar isso aí não me acalmou nadinha. Paciência.

Enfim. Minha banca foi formada por Socorro, minha orientadora, Maria Erica, que foi minha professora de metodologia, e Karla, orientanda de Socorro no mestrado.

20140527-223433-81273426.jpg
Comecei minha apresentação tremendo e, depois das considerações de Maria Erica, comecei a chorar, o que continuou quando Socorro fez as considerações dela.

Sem desmerecer as palavras de Karla, que analisou o trabalho mais tecnicamente, foi muito gratificante ouvir o que minhas professoras falaram, porque elas conviveram comigo e sabem da importância do curso na minha vida.

20140527-223435-81275979.jpg
Jamais vou esquecer a delicadeza das palavras de Maria Erica, que, não apenas leu meu blog, mas realmente se interessou por ele (e ainda me levou uma revista de presente).

Socorro, ao aceitar meu convite, me deixou tranquila e muito à vontade para eu fazer o trabalho da forma mais leve possível.

Ao final, depois de receber a nota máxima, me transformei na pessoa mais feliz do mundo, mas também na mais chorona. Realmente não esperava, por razões que não vou expor aqui (e que não interessam a quase ninguém).

20140527-223439-81279418.jpg

Escrevo esse post para agradecer a paciência, a disponibilidade e o carinho que essas três mulheres tiveram comigo. Todos os alunos, principalmente aqueles com a mesma dificuldade de falar para público que eu tenho, merecem uma banca compreensiva e amável como a minha.

Obrigada, Socorro, Maria Erica e Karla, por terem transformado um momento tenso em algo lindo. Jamais vou me esquecer do quão especial foi a minha manhã do dia 22 de maio de 2014.

Anúncios
Esse post foi publicado em Aprendizado. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Meu TCC

  1. Theo disse:

    Já que trata, pelo que senti, do blog, além de outras coisa (claro)… onde se poderia ler ser TCC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s