Eu como sim, estou vivendo, ora bolas

Outono na França é uma ótima desculpa para comer, certo? Na verdade, a frase faria mais sentido se eu tivesse usado “inverno” em vez de “outono”, mas o fato é que o inverno só chega oficialmente dia 21. Na prática, o frio me diz que ele já está por aqui. Enfim.

Quando voltei ao Brasil em agosto, me vi 5 quilos mais pesada. Vou evitar usar “gorda”, porque não estava mesmo. Fiquei muito incomodada com as banhas e dei um jeito, nos três meses que fiquei em casa, de melhorar isso.

Agora, por aqui novamente, reconheço que tenho comido mais do que minha média. Mas existe uma razão: o frio faz com que a pessoa coma mais mesmo e tudo é mais calórico. Eu sinto muito, mas uma saladinha com a temperatura em zero grau não rola.

Alguém poderia falar em sopa. Quero saber de sopa não. Quero é comer pão/croissant com manteiga de sal marinho todo dia, experimentar vários chocolates quentes até encontrar um que possa chamar de meu, tomar vinho toda noite antes de dormir e me apresentar ao desconhecido gastronômico nos intervalos.

Claro que vou me acabar de reclamar quando voltar para casa e me pesar. Mas vou tentar relaxar e aproveitar bem muito. Ah, eu trouxe mais de uma camisa, juro. Só percebi que tem muita coisa vermelha nas minhas coisas depois de ver as fotos. Paciência. No meio da multidão francesa, que é preta e cinza, eu estou é muito encarnada.

Image

ImageImageImageImage

Image

Anúncios
Esse post foi publicado em Aprendizado, Comida. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s