Le Camion Qui Fume

Li sobre o Le Camion Qui Fume pela primeira vez quando Letícia contou no All We Need is Food sua experiência, afirmando que tinha comido lá o melhor hambúrguer de sua vida.

O Le Camion Qui Fume é uma hamburgueria intinerante que atrai algumas dezenas de pessoas por dia. É o primeiro “gourmet food truck” da França, e normalmente fica num lugar durante o almoço e noutro no jantar. O site é sempre atualizado e a agenda, que muda semanalmente, também.

Hambúrguer não é minha comida preferida, mas de vez em quando me bate uma vontade desesperada de comer um. Confio muito na opinião de Letícia e há exatamente uma semana, sem nada programado, resolvi que comeria o tal sanduíche, que tem preço fixo de 8 euros, não importa qual seja o escolhido.

Cheguei uma hora após o início do serviço e a fila estava assim:

20130715-233558.jpg

20130715-233642.jpg

O pontinho azul lá no fundo das fotos é o trailler e eu fiquei nessa fila por uma hora e um quarto, mais ou menos. Annie, a dona da casa onde estou, foi comigo e quase desistiu!

Perto da linha de chegada, onde são feitos os pedidos, está o menu, que é fixo.

20130715-234129.jpg

O pedido é feito a esse rapaz, que é bem simpático, apesar de isso não estar muito evidente na foto.

20130715-234310.jpg

Na cozinha, quatro meninos bastante diligentes fazem o negócio acontecer.

20130715-234529.jpg

Pedi o Campagne, porque fiquei bastante seduzida pelos cogumelos selvagens, o gruyère e as cebolas caramelizadas.

20130715-235601.jpg

20130715-235648.jpg
Esse foi, de fato, o melhor, mais saboroso e mais suculento hambúrguer que já comi na vida! A cebola caramelizada estava maravilhosa! Mas os cogumelos, meu Deus do céu, estavam realmente divinos!

Pedi também o Bleu, porque foi o preferido de Letícia e eu queria levar meu almoço para a escola do dia seguinte. Foi também a opção de Annie e a foto é do hambúrguer dela, porque o meu estava muito bem embalado para o dia seguinte.

20130715-235911.jpg
Comi o meu quase 18 horas depois de pronto e a carne ainda estava muito suculenta e a cebola não ressecou. Até o pão permaneceu macio. Achei isso o máximo, porque normalmente o pão perde um pouco a maciez de um dia para o outro, o que não aconteceu. O Bleu é bom também, mas, na minha opinião, não cheira nem o chulé do Campagne.

Achei as batatas fritas bem lindas e pedi também (2 euros por uma porção generosa até demais: só aguentei comer metade).

20130716-000108.jpg
Super crocantes e fininhas, estavam deliciosas. Posso dizer que ocupam o segundo lugar na minha lista de melhor batata frita (o primeiro lugar segue ocupado pela do Le Sporting, o café onde comi em Saint-Tropez).

Considerando a qualidade e o preço, o Le Camion Qui Fume é imbatível. Nem o fato de ter que ficar em pé por mais de uma hora diminui minha vontade de comer o Campagne novamente. Amei amei amei!

20130716-001841.jpg

Anúncios
Esse post foi publicado em Aprendizado, Comida, Turismo. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Le Camion Qui Fume

  1. Aê, que bom saber que gostou tanto também. Você já é a quinta pessoa que vai lá e sai dizendo que foi o melhor hambúrguer da vida. Bravo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s