Lá vem chegando o verão…

O horário de verão começou hoje e com ele meio veio à mente a lembrança de que ficarei em Natal no final e no início do ano, algo muito bom, considerando que a minha permanência aqui se deve ao fato de a parte da família que mora longe vir passar Natal e Ano-novo em terras potiguares.

Isso é ótimo, mas me faz pensar num negocinho meio chato: vou ter que ir à praia, mesmo sem vontade, se quiser estar com o povo (e eu quero muito, claro!). O nó é que ano passado fui presenteada com melasmas que apareceram na minha cara sem dó, depois de eu ter inventado de turistar por aqui e torrar um pouco sob o sol.

Consegui me livrar da mancha mais incômoda, que me deixou com um bigode horroroso, a duras penas, me escondendo do sol o máximo possível e usando um combo clareador da Clinique. Por causa disso, acabei ficando mais cuidadosa com esse negócio de proteger a pele. Quase escrevi que fiquei meio neurótica, mas pensei melhor e cheguei à conclusão de que ainda não é para tanto.

Meu protetor preferido, que deixa minha pele seca e não empelota quando uso base por cima, é o Minesol Oil Control FPS 30 da Roc, que está mais caro do que gostaria (ele aumentou de preço por aqui, não é coisa da minha cabeça). Por causa disso, resolvi experimentar o Capital Soleil da Vichy, um pouco mais barato.

Infelizmente minha cara ficou muito oleosa e o Capital Soleil acabou  escanteado, o que significa que, em vez de fazer economia, perdi dinheiro. Como o propósito é deixar a pele com toque seco, posso dizer que, ao menos comigo, o bichinho não funcionou e eu me arrependi de morte de ter traído o Minesol.

Voltando à história da praia, que certamente será visitada por mim neste verão, eu estava buscando um protetor com FPS maior, já que minha exposição vai acabar sendo maior nas férias do final/início do ano, mas estava também morrendo de medo de comprar algum que me deixasse melequenta.

Como o meu Minesol já me avisou que está muito perto do fim e vou ter que comprar outro, tive a ideia de experimentar alguma opção com FPS maior. Dei uma olhada na internet, pesquisei e já estava decidida pelo Ansolar 70.

Só que, quando cheguei à Pague Menos da Nilo Peçanha, vi que tinha o Oil Control com FPS 70, lançamento da Roc e fiquei a mais feliz das criaturas até saber o preço: R$ 94,00. Achei um absurdo de caro, principalmente considerando que o sugerido pela Johnson & Johnson é R$ 62,00.

Às vezes acho que as farmácias natalenses perderam a noção das coisas. A boa notícia é que algumas on line vendem por R$ 62,00, como é o caso da Farmagora, onde fiz o pedido do meu, que oferece frete grátis a partir de R$ 100,00 e prevê entrega em até três dias úteis, o que é bom demais. Na Drogasil e na Onofre, fiz simulação de compra de apenas um protetor e foi cobrado frete no valor de R$ 12,00, o que ainda faz a compra on line valer a pena.

E tem gente que pergunta por que quando viajo volto cheia de coisa. Esta aí uma das respostas.

Anúncios
Esse post foi publicado em Beleza, Dinheiro e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Lá vem chegando o verão…

  1. Ana Carolina Luna disse:

    Me desculpem os natalenses leitores do seu bolg, mas Natal é toda sem noção!!!
    Se não fosse por minha família e você, uma das poucas amigas que tenho ai, eu viveria o resto dos meus anos sem ir à esta cidade. Pena!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s