Casa di Maria Caffè

Casa di Maria para mim é sinônimo de amor. Amor pelo feminino, pelo detalhe, pelo colorido, pelo cuidado, por tudo. Tudo ali foi feito e pensado em razão do amor que Paulo e Ricardo têm por um universo alheio ao deles, e, por isso mesmo, tão respeitado.

20120919-174043.jpg

20120919-174142.jpg

20120919-174246.jpg

20120919-174348.jpg
Quem me apresentou ao lugar foi Tuca, que o conheceu antes de mim e disse que eu tinha que ir lá, porque ia amar. E amei mesmo, desde o primeiro dia. Como não amar um lugar tão lindo, onde acho cafés deliciosos, inclusive os gelados, e comidinhas que me fazem revirar os olhos? Impossível!

20120919-175024.jpg
No sábado, voltei lá com Livinha, e não pedi meu salgado preferido porque resolvi experimentar doces que não conhecia. Estava doida por um doce e, depois da frustrante experiência gastronômica anterior, me achar merecedora era mais que óbvio.

Como queria comer mais de um, Livinha, que é muito sabida, sugeriu que pedíssemos duas opções e dividíssemos. Fiquei feliz de tê-la ouvido, porque, mesmo comendo bem menos do que tinha planejado, saí de lá estufada. Pedimos a torta amaretto e a de chocolate com framboesa, que é diet. Amei as duas, muito mesmo. Mas preciso dizer que as framboesas frescas da torta de chocolate me fizeram suspirar.

20120919-175153.jpg

20120919-175248.jpg
Não estava na minha cabeça comer nada salgado lá, mas como Lívia e Paulo ficaram confabulando sobre as bolinhas de queijo, minha gordice não nos deixou opção e acabamos pedindo uma meia porção. Ainda bem que foi só meia, porque as bolinhas não são tão inhas assim e a comilança já tinha sido grande.

20120919-175411.jpg
Não sendo muito fã de queijo, posso dizer que as bolinhas são deliciosas! O queijo meio que derrete na mordida, sabe como? Não é como a do Armelin (http://www.armelin.com.br/web/), que usa requeijão no recheio (não dá para comer de pedaço, porque fica uma lambança, sabe como?), mas arrisco dizer que é muito mais saborosa.

Para não perder o costume de falar sobre mim, meu salgado preferido é o quiche de siri com camarão, mesmo não gostando de opções com massa podre, e o doce é o quindim, mesmo detestando qualquer coisa que tenha coco. Agora me entenda!

A Casa di Maria Caffè fica na Afonso Pena, 507, Petrópolis, e o telefone de lá é 3201-4950.

Anúncios
Esse post foi publicado em Comida, Diversao. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Casa di Maria Caffè

  1. theophile gautier disse:

    É muito bom lá mesmo. Vou muito lá, apesar de estar indo pouco esses dias. Adoro quindim, mas até para mim é pesado e eu tenho uma tese que quem me engorda é minha consciência, só de cruel que é. Quando eu olho para o quindim e ela diz: – vc não deve comer isso e eu como, engordo; Quando olho para o mesmo quindim e ela diz: homi, coma, pronto! ai nem um grama.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s